Quarta-feira, 19 de Outubro de 2011

desabafos sobre o orçamento I - da fé e da loucura

O Governo olhou para a Grécia e tirou a pior das lições. Como se austeridade imposta pela troika não fosse já a receita para a recessão, o Governo decidiu ir ainda mais longe. A loucura é tal que o Governo apresenta o orçamento que provoca a maior recessão dos últimos 30 anos e nem sequer se compromete com qualquer previsão de crescimento para o futuro. Não há nenhuma ideia para o país, nenhuma ideia para o futuro. Aliás, o valor orçamentado para educação é o mais baixo da União Europeia em percentagem do PIB. Ataca-se a Educação e pede-se "mais e melhor". Impossível. Erro atrás de erro. Todo este orçamento é um erro. Numa altura em que o investimento privado é nulo, o Governo não só reduz o investimento público a níveis de inexistência como ataca todo o sector produtivo com impostos cegos. O Governo pede ao país um passo de fé para o abismo, em nome da crença absurda de que das cinzas se renascerá.
publicado por Catarina Martins às 22:09
link do post | comentar | favorito

.autores

.pesquisar

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Ainda há esperança?

. Da vergonha alheia

. Vamos a Belém - 25 de Mai...

. Carta a Amélia

. Demissão já

. O PS tem problemas em faz...

. Hasta Siempre Comandante

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds