Quinta-feira, 15 de Dezembro de 2011

solta antes Barrabás!

Hoje os telejornais abriram com a escandalosa notícia de um deputado do PS se atrever a ter opinião, ainda por cima contrária ao pensamento único de subserviência com o qual temos sido bombardeados todos os dias por esses mesmos canais.
Que país é este que se indigna por um deputado do PS ter ideias próprias, não era já tempo de haver um deputado do PS a pensar por si?

Pasmo-me que tenha vindo um qualquer sub-director de informação da sic afirmar que tais declarações poderiam até "provocar um incidente internacional". Mas que raio de pensamento bacoco e provinciano é este? Para além da alienação da nossa soberania e salários, também temos de ser expoliados da liberdade de opinião?
Independentemente de concordar ou não com o Pedro - tal não vem ao caso neste post - não posso deixar de me manifestar contra toda esta vergonha.
De tal modo foi o escândalo que o rapaz já veio dizer que não foi bem assim, um tanto ou quanto envergonhado pela ousadia...
Que eu me recorde, não houve um décimo da indignação em relação ao deputado que roubou os gravadores. Aliás esse senhor teve sempre todo o apoio da bancada para lamentar do PS, tal como o apoio da direcção do partido.
Voltámos à época em que a multidão pede a crucificação daquele que tem ideias diferentes, ao mesmo tempo que grita "solta antes Barrabás".
Abrir os telejornais com notícias destas é bem melhor para quem governa do que os números do desemprego ou os desastrosos indicadores da nossa economia, mas isto começa a ultrapassar os limites do rídiculo.
Enquanto nos entretemos com o circo vai aumentando o preço do pão e o Relvas e os amigos vão brincando aos governos, no entanto nada disso interessa, importante é condenar esse facínora do PS por delito de opinião.

Fico indignado com as mentiras de Passos, com as férias de Portas, com a corrupção herdada do Cavaquismo, com o desastre da governação socrática, com o corte nos subsídios e com a imposição do pensamento único tecnocrata.
Sempre defenderei que o Pedro possa dizer o que pensa, até quando ele não pensa bem naquilo que diz.



publicado por Francisco da Silva às 17:04
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De Aeme a 16 de Dezembro de 2011 às 22:10
Grande Pedro.
Que avance para outras "cruzadas" e terá o apoio.
Esta froxisse do Seguro não levará a nada.
O "seguro" do Passos não poderá continuar, esta apólice não levará a nada.
Alguem que levanta a voz terá o apoio que precisa para correr os enfeudados a este poder.

Comentar post

.autores

.pesquisar

.posts recentes

. Ainda há esperança?

. Da vergonha alheia

. Vamos a Belém - 25 de Mai...

. Carta a Amélia

. Demissão já

. O PS tem problemas em faz...

. Hasta Siempre Comandante

.arquivos

. Julho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds